Gastronomia
15.jun.2015

Melhores Restaurantes de NY – ABC Kitchen

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Oi Amores!

Uma vez por semana pelo menos irei dar dicas de NYC! Meus lugares prediletos pela city que vivo e amo tanto! E o primeiro desta lista definitivamente é o ABC Kitchen! E como este é o primeiro post neste segmento, tenho que colocar um de meus favoritos em NYC! Assinado pelo chef renomado e maravilhoso Jean Georges, o restaurante fica no primeiro andar da ABC Carpet & Home Building pertinho da Union Square.

dicas-onde-ir-em-new-york-blog-shari-style-nyc-shariane-hillier1

O belo restaurante e café parece um prolongamento do mobiliário da loja acima, decorado em Boho chic com móveis brancos de madeira, lustres de cristal antigos, espelhos mal formados e portas lindas, vigas de madeira recuperadas de um celeiro, paredes de tijolos expostos pintadas em branco puro e obras de arte de artistas locais criar um ambiente acolhedor e convidativo.

dicas-onde-ir-em-new-york-blog-shari-style-nyc-shariane-hillier7

O mais legal é que eles usam a sustentabilidade e mobilização de recursos locais para a construção de seu menu, que em torno de ingredientes orgânicos e locais frescos cultivam uma relação harmoniosa com o meio ambiente. Cada produto que é orgulhosamente exibido em uma mesa ao lado da cozinha semi-aberta vem de fazendas orgânicas que não usam pesticidas, fertilizantes sintéticos ou inseticidas. Carne, peixe e laticínios também são de origem local de fazendas que promovem o tratamento de animais humano livre de crueldade. Ervas e microgreens são cultivadas organicamente também por locais.

dicas-onde-ir-em-new-york-blog-shari-style-nyc-shariane-hillier6

As mesas de madeira recuperada e louça de porcelana foram feitos à mão por artistas locais, cestas de pão foram feitos à mão por pessoas indígenas Mapuche da Patagônia, e muitos de seus copos e talheres são antigos. As velas da soja que ganham vida para serviço de jantar são livres de agrotóxicos, transgênicos e aditivos. Os menus são impressos em papel certificado pelo FSC 100% de fibras pós-consumo e porta-copos são feitos de caixas de transporte de papelão. A equipe usa uniformes comprados em brechós locais. O conceito se estende até mesmo a lugares que não podemos ver, todos os produtos de limpeza utilizados no restaurante são orgânicos.

dicas-onde-ir-em-new-york-blog-shari-style-nyc-shariane-hillier5
Não é a toa que digo que é um dos meus lugares favoritos na city! Você se sentira em uma fazenda linda de sonhos! No meio de New York City! E simplesmente TODOS os pratos sem exceção de um! São maravilhosos!

dicas-onde-ir-em-new-york-blog-shari-style-nyc-shariane-hillier4

dicas-onde-ir-em-new-york-blog-shari-style-nyc-shariane-hillier3

dicas-onde-ir-em-new-york-blog-shari-style-nyc-shariane-hillier2

Espero que amem assim como eu! Beijos de NYC para o mundo!

Informações 35 east 18th street new york, ny 10003

p: 212.475.5829
f: 212.598.3020

http://www.abchome.com/eat/abc-kitchen/

Related Posts

Gastronomia
19.nov.2014

Cheese Plate

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Olá, Amores!

Entre outras coisas que eu amo tanto sobre morar uma cidade tem quatro estações é que eu posso criar noites românticas sem sair de casa. Como a temporada camisola chegou por aqui, eu estava muito animada para manter a nossa nova tradição viva, que consiste de duas em duas semanas, provarmos queijos diferentes com um bom vinho. Marilyn e eu somos completamente loucas por essa combinação e nós amamos a emoção que ela nos traz de experimentar um vinho completamente diferente e queijo cada vez. Desta vez, experimentamos o Peilloute – Florette, Garrotxa e Taleggio DOP. Eles combinam bem com carnes curadas, azeitonas, mel, nozes e frutas. Resolvemos dar uma nova reviravolta para a degustação dos queijos desta vez. Ao invés de servir os queijos com pão ou bolachas, experimentamos com estes medalhões artesanais de páprica defumada SURPREENDENTES feitas pelo chef pâtissier Michael Seidel. Foi uma das melhores combinações de todas!

cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc

Marilyn nunca teve a chance de conhecê-lo, mesmo enquanto ela estava trabalhando em Tilikun Lugar Café com ele na mesma equipe. Eu estava procurando ele no google e encontrei seu site troubadourbaker.com e estou muito curiosa para conhecê-lo pessoalmente. E aí Chef Seidel, vamos nos encontrar qualquer dia destes?!?

cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc2

Para completar este festival de queijos perfeito, provamos o melhor Chardonnay que já tomamos. Nós não somos muito de vinho branco, mas desde o verão passado que temos provado vinhos brancos e estamos começando lentamente para dirigirmos nosso paladar a eles. Eu só tenho uma palavra para o vinho Kosta Browne:

vinho-kosta-browne-cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc

Excepcional!!

vinho-branco-cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc

Vamos começar falando sobre os queijos de cabra. Como vocês sabem, queijos de leite de cabra e ovelha são nossa consistência favoritas de queijos.

Florette Cabra Brie é um pouco doce, queijo de leite suave, de cabra cremoso com consistência de um brie. Este queijo francês é perfeitamente macio e incrivelmente rico em sabor e aroma.

florette-cabra-brie-cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc

Garrotxa é um rústico queijo de cabra espanhol vibrante e tem uma fina camada de casca cinza/molde naturais acastanhado. No interior é branco com uma textura muito cremosa, picante, um pouco de ervas e um pouco de noz.

queijo-garrotxa-cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc

Taleggio D.O.P. é um queijo gourmet italiano suave, semi- mole, com sabores de ervas selvagens com uma casca laranja comestível. Ele é especialmente versátil na culinária: usado na preparação de massas, risotos, saladas, e também é um ingrediente precioso em pizza. derrete rapidamente na boca.

taleggio-dop-cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc

Não conseguimos parar de comer!!

cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc4

cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc3

cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc5

cheese-plate-gastronomia-gastronomy-shariane-hillier-style-nyc6

Beijos e Tchau!

Por Ludmilla.

Related Posts

Gastronomia
01.out.2014

Gingerbread com Limão Cream Cheese Frosting

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Olá, Amores!

O outono está finalmente aqui nos Estados Unidos!!! Eu acredito que deve ser uma das temporadas mais esperadas por muitas pessoas, inclusive eu. Hoje, Seattle está de volta à realidade, com muita chuva, céu cinzento e blusas. E meu corpo está definitivamente pedindo comidas e bebidas da estação. Eu amo tanto!!! Ontem, decidimos fazer gingerbread (eu chamo-lhe um bolo de gengibre … lol é o mesmo com o pão de banana – a textura é como um bolo, gosto de um bolo, mas todo mundo aqui chama “pão”. Marilyn está sempre me corrigindo: Não é gengibre bolo é gingerbread…  Se liguem brasileiros!!), mas tivemos que fazê-lo duas vezes. Quem não fica animado para abrir o forno para verificar se o bolo está crescendo, mesmo sabendo que a chance de que este movimento simples e rápido para abrir e fechar a porta pode arruinar o bolo. Eu sei que eu não deveria fazer isso… Então, o primeiro bolo ficou delicioso, mas ele afundou no meio. Fizemos usando açúcar mascavo e as especiarias que temos em casa (os ingredientes estavam um pouquinho velhos) e ambas as combinações de abrir a porta poderia ter sido a razão para o bolo afundando. Nós fizemos novamente sem abrir a porta… lol mas ainda afundou um pouco no meio. Talvez usando uma panela plana não conseguiria afundar?? !!

Gingerbread é, definitivamente, uma massa pesada e melhor se adequa a um bolo liso, mas realmente queríamos em uma forma de pão. Só não queríamos ter que experimentá-lo pela terceira vez! Ambos os bolos ficaram deliciosos, o primeiro feito com o açúcar mascavo era mais doce e úmido do que o segundo. Eu acho que a cobertura de cream cheese com limão que fizemos seria ficou muito doce para o primeiro bolo, mas foi perfeito para o segundo. Depois de muita discussão, decidimos sobre um limão, cream cheese frosting para iluminar o bolo e ele funcionou perfeitamente com as especiarias e por ser um bolo mais pesado, mas você pode fazer qualquer tipo de cobertura que preferir. Feliz Outono! Feliz estação de abóboras!! Feliz temporada de sweater!! Ginger (bolo) Pão feliz !!

gingerbread (3 of 1)

Ingredientes

Para o Gingerbread

1 1/2 c. de farinha de trigo

1 T. de gengibre em pó

Meia colher de chá. bicarbonato de sódio

1 colher de chá canela em pó

1 colher de chá sal kosher

Quarto colher de chá pimenta da Jamaica chão

Quarto colher de chá cravo em pó

Quarto colher de chá mace

1/2 c. leitelho gordo

2 colheres de chá. extrato de baunilha

8 T. manteiga sem sal em temperatura ambiente (1 stick)

1 c. açúcar mascavo (ou açúcar mascavo claro, se você gosta do seu mais doce o bolo)

1/2 c. melaço escuro

2 ovos, temperatura ambiente

DIREÇÕES

Preaqueça o forno a 350F. Borrife uma forma de pão 9×5 com fermento spray e polvilhe com farinha, batendo para fora o excesso.

Peneire a farinha, o gengibre, o bicarbonato, a canela, o sal, a pimenta da Jamaica, cravo e maça em uma tigela grande. Reserve.

Em uma tigela média misture o leitelho e baunilha. Reserve.

Em um batedeira de bolo estilo KitchenAid misture a manteiga e o açúcar mascavo em velocidade média até ficar cremosa. Adicionar melaço até misturar bem, raspando as laterais para ficar bem homogêneo. Adicione os ovos, um de cada vez, batendo após cada adição até incorporar.

Adicione uma terceira mistura de farinha em baixa até incorporar, em seguida, metade da mistura de manteiga até incorporar. Em seguida, outro terço da mistura de farinha, a outra metade da mistura de soro de leite coalhado e então, finalmente, o último dos mixure farinha.

Aqui é onde eu encontrei a parte importante! … .Não bata demais !! Apenas misture até que apenas fique tudo bem homogêneo, caso contrário, muito ar é misturado na massa e isso pode fazer com que o bolo caia!

gingerbread (1 of 1)

Despeje em sua bandeja preparada e asse até que um palito inserido saia limpo. Achei que demora pelo menos 50-55 minutos. Não abra o forno antes de pelo menos 45 minutos para evitar que o bolo de cair. Esta é uma massa pesada e pode cair facilmente!

Esfriar pelo menos 15-20 minutos sobre uma grelha antes de virar-se para a grade para esfriar completamente.

gingerbread (2 of 1)

Lemon Cream Cheese Frosting

Ingredientes

8 oz queijo creme à temperatura ambiente

2 T. manteiga sem sal, temperatura ambiente

1 1/2 c. açúcar de confeiteiro

1 colher de chá. baunilha

2 colheres de chá. raspas de limão

2-3 colher de chá. suco de limão fresco

2 T. limão cristalizado casca

DIREÇÕES

Em uma batedeira estilo kitchenaid junte o cream cheese e a manteiga até combinado. Adicione o açúcar de confeiteiro ea baunilha e bata até ficar cremosa e suave. Adicione o suco de limão e as raspas e misture bem.

gingerbread (4 of 1)

gingerbread (7 of 1)

Espalhe a cobertura e cubra com as cascas de lima cristalizados.

gingerbread (8 of 1)

Beijos e Tchau!

Ludmilla and Marilyn Chudda

Related Posts

@blogsharistylenyc

Instagram

©2015 Blog Shari Style NYC.